quinta-feira, maio 03, 2007

Que tristeza ...


A separação da dupla Junior e Sandy me pegou de surpresa. Sinto-me como se, de um momento para outro, tirassem o chão de debaixo dos meus pés e eu mergulhasse eternamente no vazio, no nada. É um misto de tristeza angustiante com o medo de encarar a vida daqui pra frente.
A Sandy pode agora liberar o cabacinho (se é que já não o tenha feito) e confessar isso em uma entrevista ao Fantástico que não tem mais graça nenhuma. Nem vou me abalar também quando o Júnior assumir sua homossexualidade em público ou que seja revelado que os dois foram criados em laboratório e geneticamente modificados para se tornarem super-astros, certamente uma mistura de esperma de Xororó com óvulos do Edson Cordeiro. Se eles não estão mais juntos, suas mazelas, derrotas e conquistas não me causarão mais nenhuma comoção.
Como tudo na vida é passageiro (tirando o motorista e o cobrador, dããã!), resolvi trocar o poster deles que eu tinha na parede do meu quarto por um do RDB. De qualquer modo o poster da dupla já estava muito danificado pelos meus dardos, eu ia ter que tirá-lo de lá antes que se desintegrasse. Minha tristeza é imaginar que, além de matar o casal errado, só agora o Champinha conseguiu fugir da FEBEM. Tarde demais meu filho, matar esses dois de uma vez só ficou muito mais difícil.

1 Comments:

At 3:55 PM, Anonymous Fab Fucker said...

O Lula recebeu o RBD no planalto!

 

Postar um comentário

<< Home