terça-feira, setembro 12, 2006

Piada pronta:

Eu ia passar o link mas optei pela reprodução na íntegra do artigo da redação do Terra:

"Internado, Maguila apresenta melhoras:
Internado desde a noite do último domingo na capital paulista, o ex-pugilista Adílson Maguila Rodrigues apresentou melhoras em seu quadro clínico nesta terça-feira.
De acordo com boletim divulgado pelo Hospital Nossa Senhora da Penha, localizado na zona leste de São Paulo, Maguila não está mais com febre e tem um quadro estável.
Com uma inflamação na região do ânus, ele permanece internado sem previsão de alta. Esta não é a primeira vez que o antigo peso pesado está no local.
Em janeiro deste ano, ele foi levado ao Hospital Nossa Senhora da Penha após decepar o dedo mínimo da mão direita com um cortador de grama. Na ocasião, um cachorro comeu o dedo e impossibilitou o reimplante."


Isso me fez lembrar daquela época em que o Maguila era a esperança brasileira para derrotar o Mike Tyson. Sim, o mais alto lugar no olimpo do pulgilismo na década de 80 não era ser campeão mundial mas sim derrotar o Tyson.
Maguila se imortalizou pelas suas tiradas simples e engraçadas. Após as lutas tinha o hábito de utilizar o microfone dos repórteres para "mandar um abraço". A lista dos beneficiados era infinita. Um retrato de sinceridade na imagem e semelhança do povo fodido que ele representava:

"- Eu queria mandar um abraço pra galera de São Migué, pra minha costureira que me fez esse robe, pro meu açogueiro que me garante toda semana vinte quilos de carne, pro meu mecânico que colocou ordem no motor do meu pois é ..." e por aí afora.

Obviamente a farsa não durou muito. Maguila não era um farsante, ele mesmo acreditou que poderia ser campeão mundial de boxe e fazer o Tyson beijar a lona. Tudo isso nada mais era do que um excesso de promoção enganosa do Luciano do Vale. Esse pilantra criou o mito, ajudou a consolidá-lo (com um monte de lutas fajutas) e derrubou-o de forma humilhante entregando-o para quase morrer nas mãos de Evander Hollyfield.
Após levar "A" porrada do então segundo colocado no ranking mundial, Maguila caiu na lona convulsionando e junto com ele caíram milhares de brasileiros que o tinha como um herói.

Comentário do Maguila após a luta:
"Eu tô achando que o Seo Luciano fez sacanagem comigo. Ganhei um monte de lutas fácil e duma hora pra outra me aparece esse negão que é um caminhão de oito eixos e me deixa estrebuchando queném frango no chão ..."

Mesmo assim Maguila continuou sendo o herói de uma nação carcomida, fodida e mal-paga. Abandonou o boxe algum tempo depois mas foi comentarista econômico do "Aqui, Agora!" e assim vive até hoje: vendendo nada mais do que sua imagem.
Esse é o nosso bom e velho Maguila. Com o cú inflamado ou faltando um dedo, sempre será o nosso bom e velho Maguila.

2 Comments:

At 10:20 PM, Anonymous Fab Fucker said...

Hehe! Li esta matéria ontem, fiquei pensando...que triste fim pra um taura!

 
At 11:22 PM, Anonymous Anônimo said...

hoje fui reler teu brógue de novo depois de um tempo. nada a ver com o brioco do maguila, que deve tá bem ardido, mas porque tô relendo uma biografia do simenon, que além de ter sido um escritor fiadaputa de tão bom, não essas merdas que me cercam, e de ter declarado aos 74 anos que tinha traçado mais de 10.000 mulheres (a primeira mulher dele negou tal afirmativa e disse que certamente não passavam de duas mil ...), era belga de liege, apesar de ter feito sua carreira na frança e nos eua e de sua família, como conta na biografia, ser meio holandesa. e além de tudo era um bebum que chegou aos 86 anos. um baita sujeitinho esse georges.

mais um informativo pros teus leitores não acharem que a bélgica é só van damme!!!

hahahahahahahaha

abraço
benvenutti

 

Postar um comentário

<< Home